Learning role in society

Learning role in society

24/10/2010

Sessões sobre a nova regulamentação da formação profissional

Realizadas 4 acções com diferentes públicos (35 p) e  diversas empresas (22), os tópicos são:

  1. Porque não se criou uma plataforma que assuma os dados todos e os use para diferentes fins: -anexo C-caderneta de competências-registo de horas de formação-certificados? tudo carregado de uma só vez e numa só plataforma.
  2. A nova certificação de entidades  formadoras está ser bem recebida, mas é para cumprir e efectivamente ir ao encontro do referencial de qualidade e de auditorias sérias? As pessoas estão na expectativa e fartas de mais e mais exigência burocrática...não existe oferta de perfis de qualificação de profissiponais de formação, como os exigidos pela portaria e, para os futuros auditores. Teme-se o pior!...
  3. A formação contínua de formadores deixada à regulação do mercado, não foi bem recebida pela generalidade das pessoas.
  4. A certificação modular é muito mal recebida pela generalidade dos actores de formação que participaram. Os perfis não servem as empresas e estão distantes do real. Para quando flexibilidade em tipologias fora da sala de aula?
  5. Persistem dúvidas (e muitas resistências) à aplicação das 35 H por trabalhador. Muitos entendem que vale a pena ser multado e esperar e vão fazendo o minimo (10% é a meta a cada ano).

Sem comentários:

Enviar um comentário